Tuesday, May 13, 2014

JUÍZES EM CAUSA PRÓPRIA

Pergunta-se hoje no Expresso: se os juízes são bons porque é que a população não acredita na justiça? "As avaliações dos juízes portugueses são excelentes: só um por cento tiveram nota negativa e 30 por cento conseguiram a nota máxima de Muito Bom. Mesmo assim, só 28 por cento dos portugueses confiam na Justiça".

"Nuno Garoupa, presidente da Fundação Francisco Manuel dos Santos, diz que há “uma inflação grosseira das notas, uma vez que a nota bom é na verdade menos boa do que parece em termos de progressão de carreira” e que “o CSM devia alterar a denominação para evitar confusões”. “Os números das avaliações são reais: a esmagadora maioria dos juízes é boa ou muito boa e só uma escassa maioria não tem aptidão para o trabalho e por isso sai”, defende Mouraz Lopes, da Associação Sindical dos Juízes."

Houve, certamente, lapsus linguae ou erro de transcrição das declarações do desembargador Mouraz Lopes (uma escassa maioria não tem aptidão ...), mas o que o presidente da Associação dos Juízes não conseguirá desmentir é a realidade dos números que caracterizam a gritante ineficiência da Justiça em Portugal.

 “Good news, no news está a matar a Justiça”, terá ainda dito o desembargador, e venha o diabo e o entenda, a menos que se tenha dado o caso de outro lapsus linguae ou outro erro de transcrição. "No news, good news" seria realmente sintomático de que os senhores juízes portugueses seriam tão bons quanto se julgam. Acontece, desembargador Moura Vaz, que é raro o dia em que os portugueses não sejam contemplados com más notícias do lado da Justiça.

1 comment:

Antonio Cristovao said...

Sejamos mais exigentes para ter um país melhor: No ensino que como se sabe o oficialtem descido os rankings na proporção inversa a clssificação dos Srs professores.Tambe eles, o seu sindicato e os delegados de negociações sindicais normalmente apelidados de ministros deviam era ter vergonha do que fizeram da qualidade do ensino após 1974. A classificaçãocomeça deBom para cima.. verdade ou andam a gozar com o pagode? Que se lixem as eleições? de certeza ou andam a gozar com o pagode?