Wednesday, February 03, 2016

O JOGO DA CABRA CEGA

Continua imparável.
Ontem, "foram detidos o empresário José Veiga, conhecido pelas ligações ao futebol e Paulo Santana Lopes, irmão do ex-primeiro-ministro e atual provedor da Santa Casa da Misericórdia, por crimes de natureza fiscal." cf. aqui. Foi também detida no âmbito deste processo uma advogada de Cascais que actuaria como testa de ferro do gang.

Curiosamente, 
"José Eduardo Martins, ex-secretário de Estado e ex-deputado do PSD, revelou, esta quarta-feira, que foi detido e levado para uma cela por ter faltado a uma diligência em que seria ouvido como vítima no assalto à sua casa de férias, em Grândola." - cf. aqui

Noutro jogo,
"Um homem estava acusado de 50 crimes de abuso sexual de crianças agravado, de que fora vítima um neto, em 2013. Mas o Tribunal entendeu que não ficou provado o número de vezes que, "durante os banhos", o indivíduo praticou o "ato sexual de relevo" em causa, e condenou-o por um crime de abuso sexual agravado (por se tratar do avô) de trato sucessivo." E, cf. aqui, mandou-o em liberdade, em nome do povo.
Como é de direito.



2 comments:

Antonio Cristovao said...

Será que os juizes não têm que fazer prova de bom senso?

Rui Fonseca said...

Nem prova de bom senso nem prova nenhuma, suponho.