Sunday, June 07, 2015

O JOGO DA CABRA CEGA

"MP investiga gastos de milhares de euros na Metro Mondego em hotéis, vinho e  striptease

PJ concluiu investigação num inquérito em que seis ex-administradores são arguidos por administração danosa, peculato e participação económica em negócio. Cartões de crédito da empresa pública pagaram despesas pessoais e responsáveis duplicaram estudos e custos."
"A Metro Mondego foi fundada em 1996, mas a linha nunca foi criada. O projecto resultou apenas em demolições de edifícios na Baixa de Coimbra e eliminação de linhas de comboio que serviam esta cidade, o que gerou grande contestação. Em 2009, os comboios deixaram de circular no Ramal da Lousã, primeiro apenas entre Serpins e Miranda do Corvo e, um mês depois, em toda a extensão da ferrovia com o arranque das obras do metro.


Em 2010, o Governo suprimiu às duas empreitadas em curso a colocação de plataformas na via, dos carris, bem como de toda a catenária, justificando a decisão com os cortes do Plano de Estabilização e Crescimento (PEC) 3. O Ramal da Lousã foi desactivado em Janeiro de 2010, estando concluída apenas parte da empreitada. As obras foram interrompidas após um investimento de cerca de 140 milhões de euros. Em 2011 o Governo anunciou a extinção da empresa, que, porém, continua activa. Em 2013, gastava 500 mil euros só com remunerações." - aqui

A Metro Mondego é um exemplo acabado de irresponsabilidade de gestão pública e da impunidade de que gozam aqueles que, de um modo ou de outro, desviam fundos públicos perante a passividade, objectivamente conivente, propositadamente ou não, da justiça.
---
A propósito, comentei, repetindo-me, aqui

"Durante a presidência do sr. Jorge Sampaio foram surpreendidos vários deputados de diferentes quadrantes políticos a receber umas massas com apresentação de facturas falsas. Continuaram todos como deputados, não me recordo se foram obrigados a devolver os dinheiros subtraídos. Se, para defesa do bom nome das instituições, o sr. Jorge Sampaio tivesse dissolvido a AR, porque obviamente não estava a funcionar regularmente, talvez se tivesse criado um precedente que imprimisse na vida política algum princípio de honestidade nos processos. Não o tendo feito, alimentou a tendência contrária, da desonestidade."

1 comment: