Saturday, August 15, 2015

TUK TUK MANIA

Os Tuk Tuk conquistaram a baixa lisboeta. 
Os taxistas abominam este concorrente menor, mas sem grandes razões de queixa. O Tuk Tuk vai onde o táxi não pode ir, ou se pode normalmente recusa-se porque as ruas são estreitas, e os tuktukistas param, explicam, são motoristas e guias úteis nos labirintos dos bairros antigos. 

Mas só deveriam ser permitidos tuk tuks eléctricos. 
Tuk tuks movidos a combustível são infernais, barulhentos e poluentes. O motorista berra as informações que prometeu debitar ao longo do percurso contratado mas a sua voz é abafada pelo roncar do motor do tuk tuk. Quem se desloca a pé, turistas ou residentes dos bairros, deverão detestar os intrusos, salvo se eles lhe fazem entrar nas lojas ou restaurantes clientes ocasionais. 

Ignoro as intenções das entidades responsáveis quanto a este assunto, e não será este apontamento que as influenciará. 
Mas V. que o lê, se um dia destes quiser deslocar-se nos bairros antigos de Lisboa, só ou acompanhado, vá de Tuk Tuk ... mas eléctrico!

5 comments:

Anonymous said...

E graças aos tuktuk até um estudante de medicina no 6º ano consegue ganhar uns cobres durante os meses de férias, sacrificando o descanso que merecia até nos fins de semana.
Este país no seu melhor, com muita injustiça, mas só para alguns...

Rui Fonseca said...


Ortega y Gasset afirmava, mais ou menos, isto: "O homem é ele próprio e as suas circunstâncias".
Eu penso que é só as suas circunstâncias, ou seja o caminho que lhe caiu em sorte.
E só pode contar com a esperança de que o seu caminho melhore de piso. Pode fazer por isso? Se as circunstâncias o encaminharem por aí.

Antonio Cristovao said...

Li que, esperemos que não só para as eleições, está previsto serem obrigados a passarem a electricos.

Rui Fonseca said...


Obrigado, A. Cristovão pela informação.

João Miguel Correia Gonçalves Vaz said...

Estamos muito atrasados nesta matéria: deveria ser obrigatório a todos os táxis novos e similares usarem combustíveis alternativos (eletricidade, gás). E fazer um pahse out aos táxis antigos, até 2020, eliminar o gasóleo, e por aí fora.